PUBLICIDADE

Topo

Histórico

Categorias

Nunca fale deste jeito com uma mulher preta

Sah Oliveira

13/06/2020 04h00

Nos últimos dias vimos e vivemos algo histórico. A nossa luta deixou de ser banalizada por muitos brancos, e finalmente conseguimos, de fato, ter alguma voz. A luta não para. E, com isso, muitas pessoas que se dizem antirracistas começaram a se questionar sobre muitas coisas.

É interessante ver que isso gerou certos posicionamentos. Mas não basta. É  necessário ler e consumir conteúdos que contam as nossas histórias. Só assim conseguiremos ter uma certa evolução verdadeira nessa questão.

Veja também

Nós, mulheres negras, enfrentamos diariamente o racismo de diversas formas. Existem muitos comentários racistas que ouvimos diarimente, mas que muitas pessoas brancas não têm a consciência de que certos termos são sim racistas.

Separei algumas frases que você jamais deve dizer para uma mulher preta:

1- Nossa, por ser uma negra, até que você é bonita!

A pessoa acha que pode estar fazendo um elogio, mas isso é racismo velado.

2- Posso tocar no seu cabelo?

Não faça isso. Ao pedir isso, você sugere que pensa que o nosso cabelo é duro ou ruim. Isso é inaceitável. Você não sai por aí pedindo para tocar em um cabelo liso, certo?

3- Seu cabelo dá para lavar?

Como assim? Em que mundo que você vive? Óbvio que dá para lavar, esse tipo de pergunta não se faz.

4- Você é uma morena linda!

Isso nunca foi e nunca será um elogio. Moreno é pessoa branca de cabelo castanho ou preto!

5- Vamos fazer o contorno para afinar esse nariz?

Poxa, a nossa beleza foi por muito tempo apagada. A mulher negra só é considerada "bonita" quando tem traço finos. Isso é racismo. Você, maquiador, não faça isso!

6- Relaxa, o meu cabelo é ruim como o seu!

Você não vai fazer a pessoa se sentir bem ao soltar esse tipo de comentário racista. O termo "cabelo ruim" não descreve o nosso cabelo crespo.

 

Espero que esse texto faça você refletir e entender que comportamentos racistas podem vir mesmo de quem não se vê dessa forma. E que mudar a forma como você fala também é contribuir para um mundo menos racista. Estamos conquistando nosso espaços de direito, mas ainda temos muito que evoluir ainda.

Sobre a autora

Com 23 anos, Sah é formada em Marketing na Universidade UBC e em Comércio Exterior pelo IFSP. Suzanense (SP), de família simples, conquista o público com sua simpatia, buscando sempre atender atenciosamente quem a acompanha.

Sobre o blog

Dicas de cuidados com o cabelo crespo e de beleza negra. Aqui você vai aprender técnicas para deixar os seus cachos ainda mais bonitos e vai entender melhor como lidar com o seu tipo de cabelo.

Blog da Sah Oliveira